quarta-feira, maio 02, 2007

Eficiência técnica das escolas secundárias

Estudo de Manuel Coutinho Pereira e Sara Moreira, sobre a "eficiência" das escolinhas secundárias.
Função de produção: notas de exames nacionais. Ficamos a saber o que produzimos, aliás já desconfiávamos, quando apareceram os primeiros rankings. Conclusão do estudo: privatizem-se, apliquem-se "as práticas da gestão privada" às escolinhas todas, despachem-se os professores a mais (em relação à OCDE), invista-se parte da poupança assim obtida em equipamentos. Lá pelo meio, parece que a idade dos profs não é irrelevante...mas há o factor ambiente e então um efeito absorve o outro... e não se sabe qual deles é o determinante. Isso do ambiente também medido de forma discutível, os próprios autores reconhecem. E isso de controlarem para o ambiente e o efeito desaparecer acontece-lhes com outras variáveis. Pois, pois, ocorrem estas coisinhas sobretudo quando se pretende medir o incomensurável.....

E eu que ia ao boletim do Banco de Portugal procurar o tal parecer ou relatório em que se insiste na nota "tem que se baixar salários e flexibilizar o mercado de trabalho e bla, bla, bla..." entretanto encontrei este artigo interessantíssimo e resolvi ler. Acho até que deveria ser distribuído nas reuniões de encarregados de educação (dada a sua competência para avaliar professores, poderão compreender o estudo sem qualquer dificuldade) para garantir uma verdadeira discussão pública antes de se liquidar de vez a escola pública...
Entretanto sabem que mais? Desisti de procurar a prosa do Constâncio...

4 comentários:

Pinus Silvestris disse...

Yes is amazing.
- The base of verification is not understandable, what should it mean if the quotes goes up. Simply means the questions were dealing with less complicated issues. I could understand if they would get the efficiency based on an entry - examen at the banc, with questions based on logics than on things to be solved just by memory acces.
- What is the interest of a banc to check the effiency of schools. In what resort are these 2 ladies , what are they paid for ?
Regards

melissa officinalis disse...

central banks in euro union are now having little to do and in Portugal, the central bank is just supporting the government propaganda. The governor of the bank is socialist and since he is there he has been preparing the way to the government. Lots of employees there doing what, i dont know, since the central bank of Europe is now the only one that has the real work: the monetary policy. And the employees of the bank of Portugal have a lot of privileges... the authors are one man and one lady ,they are concluding that teachers are too many but they dont see that THEY are also too many!

Pinus Silvestris disse...

Than better all come to BRUSSELS and enjoy "Mossels met Frietjes" of Vlaamse Stoverijen" each day :-)

melissa officinalis disse...

:-)